Dicas de Exercícios na Gravidez

Segue algumas dicas de Exercícios na Gravidez, o exercício regular durante a gravidez pode melhorar a saúde, reduzir o risco de excesso de ganho de peso e também facilitar o parto. Estes são uns dos melhores para você fazer.

Portanto o exercício pode beneficiar a saúde mental e física de uma mulher durante a gravidez e também pode dar ao recém-nascido um começo mais saudável. Apesar disso, estudos sugerem que apenas cerca de 40% das mulheres grávidas se exercitam.

Diretrizes atuais recomendam pelo menos 150 minutos por semana de atividade física aeróbica de intensidade moderada, durante e após a gravidez. Mas um slot de exercício não precisa ser longo, as mulheres podem, por exemplo, exercitar-se cinco vezes por semana por 30 minutos ou 10 vezes por semana por 15 minutos.

Dicas de Exercícios na Gravidez: Caminhada Rápida

melhor Exercícios na Gravidez

Um rápido passeio pelo bairro é uma boa maneira de começar. Além disso esta atividade tem várias vantagens:

Ele fornece um treino cardiovascular com relativamente pouco impacto nos joelhos e tornozelos, da pra começam em casa, é grátis, pois é possível caminhar quase em qualquer lugar e a qualquer momento durante a gravidez.

Além disso é importante que mantenha-se seguro escolhendo superfícies lisas, usando calçados de apoio para evitar quedas e evitando buracos, pedras e outros obstáculos.

Natação

Nadar, caminhar na água e hidroginástica permitem o movimento sem pressionar as articulações. A flutuabilidade pode oferecer algum alívio do peso corporal extra à medida que a gravidez avança.

Dicas de segurança: Use o corrimão para equilibrar ao entrar na água para evitar escorregar, evite mergulhar ou pular, o que pode afetar o abdômen.

Evite piscinas quentes, salas de vapor, banheiras de hidromassagem e saunas para minimizar o risco de superaquecimento.

Ciclismo Estacionário

melhores Exercícios na Gravidez

Andar em uma bicicleta ergométrica, também chamada de giro, é seguro para a maioria das mulheres durante a gravidez, incluindo os que praticam exercícios pela primeira vez.

As vantagens incluem:

Andar de bicicleta ajuda a aumentar a freqüência cardíaca, minimizando o estresse nas articulações e na pelve.

A bicicleta ajuda a suportar o peso corporal.

Como a bicicleta está parada, o risco de queda é baixo, um guidão mais alto pode ser mais confortável.

Yoga

As aulas de ioga pré-natal podem ajudar as mulheres a manter as articulações flexíveis e a manter a flexibilidade. O yoga também pode ajudar no controle da dor e do estresse, de acordo com estudos.

Os benefícios do yôga incluem: fortalecimento dos músculos, estimula a circulação sanguínea, ajuda a manter uma pressão sanguínea saudável, aumenta a flexibilidade, e te deixa mais relaxada

Dicas de segurança: À medida que a gravidez avança, evite pular e fazer poses que:

Pode levar ao desequilíbrio, envolvem o abdômen, e envolvem passar um tempo deitado de costas. Quando deitado de costas, o peso da protuberância pode pressionar as principais veias e artérias e diminuir o fluxo sanguíneo para o coração, além disso esse fluxo sanguíneo reduzido pode levar ao desmaio.

As mulheres também devem tomar cuidado para evitar alongamentos excessivos, pois isso pode causar ferimentos.

Veja também:

Tratamento caseiro para queda de cabelo

Preparação Para o Parto: Agachamento e Inclinações Pélvicas

Alguns exercícios são muito úteis durante a gravidez, pois preparam o corpo para o trabalho de parto e parto.

Agachamento: Como o agachamento pode ajudar a abrir a pelve durante o parto, pode ser uma boa ideia praticar durante a gravidez.

fique em pé com os pés afastados na largura dos ombros e apoiados no chão, mantendo as costas retas, abaixe as nádegas lentamente, mantendo os pés esticados e os joelhos não mais adiante do que os pés.

Mantenha pressionado por 10 a 30 segundos no ponto mais baixo e empurre lentamente para cima.

Inclinações pélvicas: podem fortalecer os músculos abdominais e ajudar a reduzir a dor nas costas .

Incline os quadris para frente e puxe o abdômen, arredondando as costas. Segure por alguns segundos, solte e deixe a parte de trás cair. Faça uma série de até 10 repetições.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *